Blogs Portugal

Siga por Email




Opinião: Mudança. É o sentimento que retiro de Harry Potter e o Príncipe Misterioso. Por esta altura nenhum dos intervenientes nos é desconhecido. Ou alguma das relações. Estamos completamente embrenhados na história. Os factos foram expostos, as verdades contadas e o mundo mudou. No entanto, nesta sexta adaptação há um equilíbrio precário pois ora somos arrastados para o mundo dos Devoradores da Morte, ora somos levados para um mundo onde as hormonas governam os corpos e as mentes dos adolescentes; ora somos arrastados para as memórias de outros, ora choramos com a existência de um coração partido. 
Mas, como na adaptação anterior, Harry Potter e a Ordem da Fénix, há perdas que não têm retorno. Enquanto que os primeiros livros foram adaptados o mais fielmente possível, à medida que a história se torna cada vez mais complexa, os pormenores são deixados de parte para seguir uma única linha temporal. No entanto, são perdas que importam, que têm um significado quer fosse para mostrar a verdadeira essência de uma personagem (Ginny Weasley), quer fosse para compreender melhor a história do feiticeiro mais negro de todos os tempos e que serve de prelúdio para as memórias que iremos ver no futuro. Em Harry Potter e o Príncipe Misterioso a forma como as recordações são apresentadas devia ocupar um lugar mais importante, deviam ter dado mais tempo para a própria explicação dos Horcruxes, para a compreensão da mente de Tom Riddle. 
O equilíbrio que foi precariamente mantido desde o início, pende, finalmente, para um lado com uma morte que, para mim, era esperada, não apenas nos livros como no filme. Uma morte que faz a diferença e que, mais uma vez, nos faz esquecer as falhas porque, subitamente, somos invadidos por uma tristeza cortante. Não há mais ajuda, ou assim parece. A verdade, tão cuidadosamente escondida, surge na presença de um pedido mas somos demasiados cegos para a ver. Em Harry Potter e o Príncipe Misterioso o auge da cinematografia foi deixado para o fim. Não há dúvida de que é um excelente filme e de que é verdadeiro ao seu material original, no entanto, sinto que ainda podia ser melhor.



Outros títulos da colecção
*Harry Potter e a Pedra Filosofal - adaptação cinematográfica: aqui
*Harry Potter e a Câmara dos Segredos - adaptação cinematográfica: aqui
*Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban - adaptação cinematográfica: aqui.
*Harry Potter e o Cálice de Fogo - adaptação cinematográfica: aqui
*Harry Potter e a Ordem da Fénix - adaptação cinematográfica: aqui
*Harry Potter e o Príncipe Misterioso - adaptação cinematográfica: aqui
*Harry Potter e os Talismãs da Morte - adaptação cinematográfica aqui e aqui
*Harry Potter and the Cursed Child

*Os Contos de Beedle, O Bardo

*Monstros Fantásticos e Onde Encontrá-los - adaptação cinematográfica aqui.
*Quidditch Através dos Tempos

Outros livros da autora
*Morte Súbita
*Very Good Lives



Por Raquel Pereira

Deixe um comentário

Tens uma opinião? 3,2,1 GO