Sinopse: O regresso do autor dos bestsellers O Diário da Nossa Paixão e As Palavras que Nunca te Direi com um romance terno e comovente acerca do verdadeiro significado da beleza, da generosidade, da perda e acima de tudo do poder mágico do amor. Nicholas Sparks conta-nos desta vez a história de dois adolescentes – Landon e Jamie Sullivan. Dois adolescentes com percursos antagónicos e interesses divergentes. Nada mais nada menos do que um jovem estudante boémio e descomprometido e a antiquada filha do pastor baptista de uma pequena cidade americana. Mas naquele estranho Natal de1958 Landon olhará Jamie com os olhos da paixão o que irá mudar radicalmente o rumo daquelas duas vidas.


OpiniãoUm Momento Inesquecível foi o primeiro livro cuja decisão de leitura não se baseou na sua sinopse, ou na sua adaptação cinematográfica, pelo contrário. Pouco se baseou na popularidade do autor ou das vendas. Na verdade, pouco teve a ver com o livro em si, o que foi uma estreia. A leitura de Um Momento Inesquecível baseou-se única e exclusivamente numa entrevista que o autor deu sobre a inspiração por detrás da história de Jamie Sullivan e Landon Carter e, posso afirmar com toda a certeza que, Nicholas Sparks é tão bom falante como escritor - deixo em baixo a entrevista.

(Continua)

Para mim, Um Momento Inesquecível adquiriu uma maior dimensão e teve um maior impacto pela verdade por detrás de cada acontecimento, pela perspectiva de que, por esse mundo fora, houve, outrora uma Jamie Sullivan e um Landon Carter e, apesar de não ser um dos livros mais complexos de Nicholas Sparks, a simplicidade da história funciona porque, desde o início que nos é apresentada como uma lembrança, um pedaço de memória que ficou preso no tempo e que nos é contado em pequenas camadas, aqui e ali, com um diálogo um pouco limitado, é verdade, mas que funciona o que, no fundo, é o ponto fundamental.
Como referi, não é um livro complexo. Uma simples memória de uma história há muito passada, com dois protagonista que encontram um no outro aquilo que nem sequer sabiam que procuravam. Um história de amor, mas também de amizade e sobretudo de fé e redenção. Uma escrita simples, fluída e fácil de absorver. Uma história com um final em aberto, descrita na perfeição e, para os que seguem o trabalho do autor, um livro a não perder.


Will you marry me?


Deixe um comentário

Tens uma opinião? 3,2,1 GO